As velharias musicais que eu ainda amo!

Parece que os anos 90 foram ontem com todos aqueles pagodes horrendos que faziam o maior sucesso e também com bandas de rock que enlouqueciam a cabeça dos jovens. Quem é que não se lembra do Só pra Contrariar, do Molejo, Alexandre Pires e todas essas coisas bizarras que lideravam a audiência televisiva e as vendas de disco? Titanic era o filme mais comentado e Celine Dion não parava de tocar nas rádios, além disso, a Mariah Carey ainda cantava, não tinha peitões e desfilava com aquele cabelo de poodle que valia por uns dez cachorros! Para as crianças o que fazia sucesso era Sandy & Junior, KLB, Xuxa e pra detonar o que já não era lá muito bom, o É o Tchan! Apesar de tudo, os anos 90 e aquelas cores esquisitas, aquela moda do moletom e dos cabelos mais sem graça possíveis, até hoje traz recordações e artistas que fariam bem a 2011 e seu rock bunda-mole. Então, vamos parar de falar da parte cômica dos anos 90 e falar do que interessa, o rock baby!

 Os anos grunge, com bandas geralmente nascidas em Seattle para as rádios de todo mundo e a MTV! A mais conhecida e bem sucedida era o Nirvana de Kurt Cobain, Krist Novoselic e Dave Grohl, que tinha uma atitude de palco incrível e empolgante, com as letras cheias de profundidade e significados.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=jSy3UvVwQ8g&feature=related]

E o Pearl Jam de Eddie Vedder, que em paralelo ao sucesso do Nirvana, levantava multidões de garotos se divertindo em seus moshes e rodas punk.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=VbhsYC4gKy4]

Além do Nirvana, faziam sucesso também Soundgarden, o Hole, o Silverchair e o Creed.

Já no cenário pop rock, a grande revelação foi a Alanis Morissette, com letras incisivas, os cabelos jogados ao vento, a sinceridade. E ela continua na ativa até hoje, talvez menos presente na grande mídia, mas com trabalhos de excelente qualidade.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=8v9yUVgrmPY&feature=fvst]

Outra banda, que surgiu nos anos 80 mas que fez muito sucesso nos 90 foi o U2 com Bono Vox, senhor do ativismo politicamente correto que apesar de fazer boas músicas, me irrita um bocado.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=XmSdTa9kaiQ]

E falando dos irlandeses, não poderia faltar o Cranberries, com músicas que até hoje ouço sempre e gosto muito.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=UlMWAl7tIro]

Já no cenário nacional, muita coisa boa fazia sucesso. Foi época de consagração para bandas como Legião Urbana, Paralamas do Sucesso, Titãs, Skank, Capital Inicial, Ira!, Ultrage a Rigor, e o nascimento de outras que revolucionaram o que vinha sendo feito na música. O Raimundos com suas letras proibidas para menores de idade,  não parava de tocar nas rádios e os clipes eram sempre os mais pedidos na MTV.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=qEHVDGa9ZWU]

O Charlie Brown Jr., com Chorão na liderança, os garotos de Santos e o Skate:

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=A-urmaKPqvY&feature=related]

O CPM22 trazendo ao Brasil o Hardcore Melódico, com Badauí nos vocais e o famoso baterista Japinha, que arrancava suspiros das fãs.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=M9GbJp1NCF0]

E pra terminar com chave de ouro (ou não):

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=e7PJlKdNdXk&feature=fvst]